Ansiedade

julho 29, 2020 - by Gabinete de Comunicação e Imagem - in Dicas & Notícias

No Comments

A ansiedade é a reacção natural do corpo ao stress. É caracterizada por uma sensação de nervosismo, medo, preocupação ou desconforto, sendo uma experiência humana normal.

Porém, dependendo da intensidade e da frequência, a ansiedade pode transformar-se numa patologia – o Transtorno Ansioso. Actualmente, cerca de 264 milhões de pessoas vivem esta patologia (Carvalho, 2017).

É considerado um Transtorno Ansioso, quando a ansiedade:

  • Ocorre com muita frequência;
  • Ocorre em situações indevidas;
  • É prolongada;
  • É intensa, podendo desencadear ataques de pânico;
  • Interfere com o dia-a-dia da pessoa;

Nas situações acima mencionadas, a ansiedade deixa de ser uma experiência normal do ser humano e passa a ser uma patologia.

Tipos de Transtornos Ansiosos

  • Fobias – medo irracional de situações ou objectos (cães; elevadores; espaços fechados; sangue, etc.).
  • Transtorno da Ansiedade Generalizada – preocupações constantes com situações hipotéticas cuja probabilidade de ocorrência é pequena;
  • Ansiedade da Saúde (Hipocondria) – preocupações constantes sobre a saúde do indivíduo e medo excessivo de ter uma doença perigosa;
  • Fobia Social – medo de ser julgado por outros – levando muitas vezes ao afastamento social;
  • Agorafobia – medo irracional de estar em lugares cuja saída não é facilmente acessível;
  • Transtorno Obsessivo Compulsivo – pensamentos intrusivos sobre higiene, arrumação e agressão que são acompanhados por comportamentos compulsivos (ex. verificar ou limpar objectos múltiplas vezes; dificuldades em observar objectos desarrumados, etc).

Sintomas dos Transtornos Ansiosos

  • Preocupações constantes;
  • Insónias;
  • Batimento cardíaco acelerado;
  • Cefaleias (dores de cabeça);
  • Tonturas;
  • Dificuldades de concentração;
  • Falta de ar;
  • Tensão muscular;

É comuns os transtornos de ansiedade virem acompanhados de Ataques de Pânico –  muitas vezes confundidos com problemas cardíacos devido a semelhança dos seus sintomas. Alguns dos sintomas do Ataque de Pânico são:

  • Dificuldades respiratórias;
  • Aumento da frequência cardíaca;
  • Palpitações;
  • Sudorese;
  • Tremores;
  • Tonturas;
  • Sensação de desmaio;
  • Medo de morrer;

Tratamento

O tratamento para a ansiedade pode ser feito por medicação ou por terapia. Exceptuando para ataques de pânico, onde o tratamento deve ser realizado com Terapia, pois sem terapia para tratar o medo do ataque de pânico, estes retornam após interrupção da medicação (Barnhill, 2020).

  1. Medicação 

A medicação tem como objectivo reduzir alguns dos sintomas presentes no quadro ansioso. O diagnóstico específico do tipo de ansiedade e de outras patologias associadas (ex.depressão) é importante para a correcta identificação da medicação apropriada.

  1. Terapia

A terapia mais indicada para o combate dos Transtornos Ansiosos é a Terapia Cognitiva e Comportamental (TCC) cujo objectivo é identificar as causas da ansiedade e usar técnicas para alterar as preocupações que estão por detrás dos sintomas.

 

Referências:

  • Carvalho, A. (2017). Depressão e outras perturbações mentais comuns. Enquadramento global e nacional e referência de recurso em casos emergentes. Programa Nacional para a Saúde Mental;
  • Barnhill, J. (2020). Ataques de pânico e síndrome do pânico. Manual MSD.

Share this article

Gabinete de Comunicação e Imagem

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

13 − 2 =

×

Make an appointment and we’ll contact you.

Nome (obrigatório)

Sobrenome (obrigatório)

Email (obrigatório)

Assunto

A sua mensagem